Social icons

PORTO POSTCARDS #1

09 janeiro 2019

Aquele almoço divinal no Mistu RestaurantO regresso às partilhas aqui pelo blog teria que começar pelo meu adorado Porto e pelo passeio inesquecível que fiz por lá no final do ano passado. Aproveitei uns dias de folga e rumei até à Invicta, sozinha, caderno no bolso e máquina na mão. Tinha uma uma série de sítios onde gostaria de ir e visitei-os quase todos. No artigo de hoje damos início a mais uma partilha contínua que tem o Porto como cenário de fundo e que não podia começar melhor: no meu restaurante favorito dos últimos tempos...


Cheguei ao aeroporto de manhã bem cedo, pois fiz o voo de Bilbao para Lisboa nessa manhã. Às 10h estava de novo no avião, agora como passageira e com destino ao Porto. Esta foi a primeira — e única — vez no ano que entrei como passageira num avião. E soube-me tão bem! A viagem correu lindamente e chegámos ao Aeroporto Francisco Sá Carneiro em menos de nada. Do terminal até à estação de Metro foi um pulinho e percebi que o sistema de transportes na cidade está muito bem organizado. Sempre que fui ao Porto estava de carro e, por isso, nunca tinha tido necessidade de fazer uso da rede de transportes. Até então. Agora estava sozinha, com um trolley numa mão e um bilhete de metro na outra. A primeira paragem estava segura: Bolhão.


Assim que cheguei ao centro da cidade respirei fundo. Cá estava eu. Feliz, numa cidade que me diz tanto, que me traz e dá tanto. Adoro o Porto e poder visitá-lo agora com mais facilidade é maravilhoso. O ponto e partida da viagem seria o check in naquele que depressa se viria a tornar no meu alojamento de eleição — do Porto e não só. Mas sobre o sítio que tão bem me recebeu e que merece todo o destaque falaremos num outro post, em exclusivo. Pousei as malas, maravilhei-me com o meu quarto e, entre fotografias e dois dedos de conversa, acabei por chamar um Uber para me levar até ao próximo destino na minha lista. A reserva estava feita e eu estava ansiosa...


Escusado será dizer que descobri este espaço através do instagram — aliás, são estás descobertas e as relações que estabelecemos com quem lá nos cruzamos que ainda fazem valer a pena — e, além disso, eu ainda uso muito a aplicação no sentido de descobrir espaços bonitos nos sítios onde vou. Este foi um deles. 

mistu

Situado no coração da baixa da cidade, na Rua do Comércio do Porto, este é um espaço que só passa desapercebido a quem anda completamente alheado. O exterior assenta numa fachada maravilhosa, azulada, com umas janelas trabalhadas lindíssimas e imponentes. Mas a verdade é que nada nos faz suspeitar do interior completamente surpreendente. Vejam por vocês próprios!


Uma sala com um pé direito imponente, iluminada pelas grandes janelas voltadas na face principal, um chão de mosaico maravilhoso, mesas e cadeiras que nos lembram os pequenos bistrôs de Paris, que contrastam com a ousadia das imagens suspensas na parede! Um mix entre o clássico com o irreverente, que se traduz numa carta riquíssima, de pratos e cocktails.

Quando entramos somos agraciados com uma sala ampla, ladeada por uma cerca de ferro, muitos elementos verdes e um bar giríssimo à direita. Em cima podemos ver a pequena sala mezzanine, com vista privilegiada para o restante espaço. O atendimento é rápido, eficaz e — acima de tudo — muito, muito simpático. Fui recebida entre sorrisos e, apesar de ter ido sozinha, nunca me senti só.



Por acaso é curioso (não sei quanto a vocês) mas não me importo nada de passear sozinha, sentar-me numa esplanada a ler, tomar um café, deambular pelas ruas de máquina na mão. Mas quando tenho que fazer uma refeição, especialmente num sítio destes, sozinha e sem ninguém com quem partilhar pratos e histórias engraçadas já me custa um bocadinho. Porque, para mim, a mesa é o melhor sítio para partilhar e uma refeição destas deveria ser partilhada. Até porque, sozinha, não consegui provar tudo aquilo que gostaria. De qualquer das formas, o staff foi sempre muito atencioso e fez-me sentir super à vontade, fazendo-me companhia sem impor a sua presença e as sugestões da casa foram muito bem recebidas por mim.


Aceitei, de bom grado, as sugestões do chefe a acabei por pedir dois pratos frios. Mas antes, para começar em beleza, aceitei logo a sugestão de um cocktail (infelizmente não me consigo recordar do nome, pois deixei à consideração do chef, e não o encontro em carta no Zomato mas era delicioso e recordo-me que era feito à base de maracujá e bem docinho, como eu gosto). Depois, para vir tudo ao mesmo tempo — que resulta sempre numa mesa mais bonita e fotogénica — pedi um crudo de salmão e maracujá e a causa de caranguejo de casca mole e abacate.  Meu-deus! Estava di-vi-nal. Não sei se me conseguirei expressar por palavras e temo que qualquer escolha que faça não fará justiça àqueles pratos. A causa de caranguejo era absolutamente deliciosa mas eu fiquei completamente rendida ao crudo de salmão e maracujá. Aliás, adorei tanto ou tão pouco que nos jantar da última noite (sobre o qual falaremos mais adiante) acabei por pedir um prato muito parecido a este. É um ceviche de salmão, muitíssimo bem marinado, com os sabores e texturas au point e aquele toque de maracujá torna a experiência muito mais exótica e inesquecível. Foi, sem dúvida, o favorito.



Mais uma vez, pena tive eu de ir sozinha, porque já não consegui pedir nenhuma sobremesa — mas prometi, a eles e a mim, voltar lá em breve e com muitos amigos para pedirmos muitas coisas e provarmos um bocadinho de tudo. Aqui, no Mistu, a ideia é mesmo essa. Pedir um de cada e partilhar entre todos. É assim que se criam as melhores memórias e estas são, sem dúvida, as melhores experiências à mesa. Uma mesa cheia, colorida, rica em sabores, com cocktails maravilhosos, num espaço singular e cheio de personalidade.

Para quem se estará a perguntar (ou para quem acompanhou a viagem pelos stories do instragram), na última noite visitei o irmão mais velho do Mistu, o famoso Flow. E foi outra experiência memorável, que vou querer muito trazer até ao blog e partilhar tudo convosco. Afinal, se virmos bem, nunca estou sozinha. Estou sempre com vocês na ideia porque adoro partilhar este tipo de passeios com vocês e trazer-vos sugestões que sei que irão adorar.




Mistu Restaurant
Rua Comércio do Porto 161
Todos os dias
Das 12h30 às 24h*

*durante a semana só abre às 19h

Enviar um comentário