Social icons

FRIENDLY FLAMINGO

22 fevereiro 2017

O novo "cool spot" em Lisboa. Aproveitámos a manhã de ontem para darmos um saltinho a Campo de Ourique e acabámos por tomar o pequeno-almoço na Rua 4 de Infantaria — a mesma do Moules&Beer — só para nos perdermos de amor; amor pelo café, pela decoração super gira e pela simpatia de quem nos serve. Se estiverem curiosos é só continuar a ler...


um cappuccino, dois dedos de conversa & muitos flamingos 

Terça-feira. Uma manhã cinzenta. O sol não convidava ao passeio mas o frio daquela manhã era o incentivo perfeito para nos refugiarmos num espaço giro e beber um bom cappuccino. É então nessas alturas, onde tudo o queremos é um aconchego destes, que nos lembramos de procurar por sítios bonitos. No facebook, no instagram, no zomato [...] tudo serve de desculpa. Foi assim que descobrimos o Friendly Flamingo.




O nome faz justiça ao espaço. É um nome que, à partida, é super divertido, descontraído e original. Isso reflecte-se na decoração e no ambiente desta novíssima coffe house em Lisboa.

Friendly Flamingo

É perfeito para se estar. Tão simples quanto isso. Para se estar de manhã, na companhia de uma bebida quente, para se estar ao almoço e provar uma refeição leve, para se estar à tarde a adiantar trabalho na companhia de um chá, para se estar num brunch do domingo, para se estar a sós ou acompanhado. Com a família, com as amigas ou com o namorado. Aqui, em Campo de Ourique, é mesmo onde vamos gostar de estar.




Lisboa está cada vez mais coffee friendly*  e são vários os espaços dedicados a esta bebida deliciosa, que a preparam com mestria e rigor, apresentando um resultado de alta qualidade, tecnologia e expertise para servir o melhor café. Depois do Copenhagen Coffee Lab, do Hello, Kristof ou do The Mill, o Friendly Flamingo promete agitar uma outra zona da cidade, com um café aromático, intenso, fabuloso. Amantes de café, tomem nota.

*e agora também está flamingo friendly!






café & companhia

Estávamos ansiosos por experimentar o café do Friendly Flamingo mas somos defensores que um bom café se faz sempre acompanhar de duas coisas: uma boa conversa e uma boa fatia de bolo. A nossa escolha de pequeno-almoço (reforçado) resumiu-se a um café, uma fatia de bolo de limão, um cappuccino, um croissant folhado, um sumo de laranja natural e uma 'almofadinha' de bacon.




Por onde começar? Bem, o croissant era delicioso (ao nível dos da Choupana Caffe), o sumo natural era óptimo, doce no ponto, o bolo de limão contrastava com aquela acidez cítrica deliciosa e o café — oh, o café — era divinal. Intenso, como pedido, encorpado e muito saboroso. Tão saboroso que eu bebi não um, mas dois cappuccinos!

Outra chave de ouro deste espaço é a simpatia da menina que nos atendeu. Recebeu-nos entre sorrisos, deu-nos as boas-vindas e foi super receptiva quando lhe pedi se podia tirar algumas fotografias ao espaço. Agradeceu e disponibilizou-se logo para facilitar no que fosse preciso. 




O espaço, na altura, não tinha ninguém, por isso fui fotografando o que podia. Entretanto entraram três "senhoras", com idade para serem minhas avós (mas daquelas avós repuxadas, com ar pouco simpático e um tanto ou quanto empertigado). Sentaram-se no canto dos sofás, junto ao balcão. Esperei que se levantassem, que fossem pagar e que libertassem o dito canto para que pudesse fotografar (como podem ver nas imagens em baixo).

há gente chata...

Entretida atrás da máquina, não me apercebi que uma delas já estava ao pé de mim e oiço dizer, com escárnio e sotaque de "campo de ourique" (existe sotaque de "campo de ourique", como há o de "cascais"? não sei...) que eu não podia fotografar as pessoas. Desculpei-me, de máquina na mão, dizendo que não era minha intenção incomodar e jurei não as ter fotografado. Ela insistiu dizendo que a amiga tinha ficado muito incomodada e que estava a fazer queixa à rapariga do balcão. Fiquei incrédula, mas esperei que as outras duas se dirigissem à saída, onde me encontrava.

Disse bom-dia. Perguntei qual das senhoras tinha ficado incomodada com a máquina fotográfica. Ignoraram-me, nem olharam para mim. Passaram pelo meu ombro e uma delas afirmou que "sim, era ela a "lesada" pela situação, que eu tinha falta de respeito, que eu era indelicada — quase uma criminosa", imagine-se! Desculpei-me mais uma vez e mostrei-lhe as várias fotografias na máquina, afirmando não ter sido de todo a minha intenção incomodar, que tinha aguardado que elas se levantassem e que, se estavam incomodadas, podiam ter vindo falar comigo [...] mas o desprezo, o escárnio e o ar 'do alto do poleiro' da "avó" deixaram-me tão chateada que lhe disse, por fim, num tom curto e seco:
  • Minha senhora, sabe que mais? Não tenho o menor interesse em tê-la nas minhas fotografias, como pode calcular. Tenha um bom dia. 
Disse-o com o meu maior sorriso (quem me conhece sabe o quão sarcástico consegue ser o meu sorriso) e ela desejou-me um "bom dia, igualmente". Reparei no Miguel, que estava preparado para ser indelicado. Reparei na pobre da rapariga atrás do balcão, sem saber o que fazer. Reparei naquelas três velhotas, a sair altivas pela porta, como se fossem divas (seriam figuras públicas e estavam com medo de paparazzis? não sei...) e reparei no quão imbecis conseguem as pessoas ser, independentemente da idade.



Desfiz-me em desculpas à menina que nos atendeu. Não era de todo a minha intenção trazer-lhe chatices. Ela alertou-me que já não era a primeira que "certas clientes" levantavam problemas. Imagino... Talvez se eu tivesse dito que era de uma "Caras" ou qualquer outra revista do jet7 a velhota até tinha ajeitado o botox e feito uma pose catita. Mas não, sou só eu. Uma miúda qualquer.

Ora, na segunda partilhei convosco as "dicas para fotografar restaurantes". Pois bem, posso garantir-vos que nunca tinha passado por uma situação destas, até ontem. Posto isto gostava de reformular a minha sugestão: por via das dúvidas, evitem tirar a máquina num espaço com outros clientes — especialmente em Campo de Ourique, que está visto que as velhotas são umas snobes (as velhotas fixes que me perdoem a generalização) — e não se esqueçam sempre de avisar o responsável de loja, antes de fotografarem.



Fora esta odisseia — e reforçando a ideia de que o Friendly Flamigo é para malta friendly — acho que podem e devem fazer uma visita ao mais recente espaço de Campo de Ourique. Não deixem de experimentar o brunch, no próximo domingo. Nós estamos muito curiosos...

Friendly Flamingo
Rua 4 de Infantaria 3A Lisboa
Todos os dias
Das 9h às 20h

18 comentários

  1. que espaço tão lindo! e fotos maravilhosas! e que cena caricata! há pessoas mesmo incomodadas com a vida. nem ligues, provavelmente não teriam mais nada do que fazer senão chatear-te. Já tive cenas parecidas e é sempre um mood downer, tira logo a vontade de fotografar.

    beijinho,
    Moi by Inês

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acho que ias amar este sítio Inês, é muito a tua cara :) as senhoras até podiam ter vindo falar comigo e se me tivessem pedido que não fotografasse porque as estava a incomodar eu teria pedido imensas desculpas (como fiz), teria compreendido e teria esperado que elas saíssem do espaço. Agora fazer reclamação ao balcão? Puff...

      Eliminar
  2. Ui, é mesmo um lugar extraordinário.
    Nunca conheci um sítio assim. Adorei.

    ResponderEliminar
  3. Uau, adorei o espaço Sara! Esse momento not-so-friendly não manchou a tua passagem por lá. As fotografias estão fantásticas!

    ResponderEliminar
  4. Que sitio tão giro! Não conhecia mas de certeza que vou lá passar um dia destes!
    Ah e essas senhoras... a sério, há pessoas que não têm mesmo noção das figuras de parvas que fazem lol! x

    E. ♥ Meet me for Breakfast

    ResponderEliminar
  5. Sara o post deixou-me com imensa vontade de ir lanchar ao Friendly Flamingo; no entanto se já tenho vergonha de fotografar em publico; não sei o que faria se estas senhoras me interceptassem!
    Acho que a atua atitude foi acima de correcta; muitos parabéns pela frieza e assertividade!
    Ps: Estão a ser horas do lanche e deixaste-me com água na boca... :P
    Haul de Beleza | January Lip Monthly


    Ukuhamba, FacebookUkuhamba
    Ukuhamba, Instagram

    ResponderEliminar
  6. Olá Sara, desde já muito obrigado pelo teu comentário - ganhei a semana a ler as tuas palavras e só tenho a agradecer! Ainda bem que consigo passar a mensagem que pretendo aos outros! Adoro as fotografias, o espaço parece ser incrível! E que episódio...infelizmente há pessoas que só estão bem a implicar com as outras!
    Um beijinho, Ana Rita*

    ResponderEliminar
  7. Que espaço bonito! A decoração é maravilhosa, parece um espaço muito acolhedor :) Tiveste foi um encontro menos agradável com essas senhoras, mas enfim, há pessoas muito parvinhas!
    The Fancy Cats | BB CREAM Giveaway

    ResponderEliminar
  8. Que bonita sugestão! Quero muito muito conhecer este novo espaço, Sarinha

    Beijinho, :) *

    ResponderEliminar
  9. Há muita gente de mal com a vida... Não pense nisso e continue a tirar fotos lindas de espaços lindos!

    ResponderEliminar
  10. Percebo perfeitamente quando dizes que é um sítio "para se estar", em algumas fotografias parece mais a casa de um amigo do que um estabelecimento comercial (e digo isto no bom sentido).
    Quanto às velhotas, foram umas parvas de primeira. Como se tivesses qualquer interesse em fotografar velhotas totós...

    ResponderEliminar
  11. fiquei completamente apaixonada! é normal que seja tão procurado é mesmo muito giro
    beijinhos

    http://umacolherdearroz.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  12. Que lugar INCRÍVEL, Sarinha! Adorei as fotografias!
    Pena a tua experiência ter sido em parte "estragada" por pessoas que não merecem sequer que percamos tempo a falar nelas. Têm todo o direito de não quererem ser fotografadas, mas não há necessidade nenhuma de serem assim desagradáveis! Enfim :/

    ResponderEliminar
  13. Espantoso o sítio. A visitar brevemente!

    ResponderEliminar
  14. Opá, foi já para a minha lista de sítios espetaculares a visitar! Adoro o Hello, Kristof e o The Mill. Só ainda não fui ao Copenhagen Coffee Lab. Que fotos tão lindas Sara <3

    thebrunettetofu.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  15. Uau, não conheço o lugar mas devo dizer que parece-me ser um lugar extraordinário!
    Ah, e as fotos? Estão liiiindas *

    Beijinho <3

    http://cristiana-tavares.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  16. Que espaço bonito! Sara, as tuas fotografias são sempre maravilhosas. Um beijinho <3

    ResponderEliminar
  17. Oh my gosh, I love this cafe! Friendly staff, great space, the coffee is good, the food is delicious and the Sunday brunch is amazing!

    ResponderEliminar