Social icons

OH, DEZEMBRO...

01 dezembro 2016

Que chegaste tão depressa. Este ano a tua chegada seria agridoce. Eu já o sabia. Mas nunca pensei que chegasses tão depressa.... Trazes contigo um misto de emoções, ora quentes e doces, ora amargas e afiadas. É saber que entramos na época mais bonita do ano — o Natal — e saber que se fecha um capítulo; ou se acaba um livro inteiro, ainda não sei bem. Seja como for, hoje damos as boas-vindas ao último mês do ano e para alegrar o feriado, trazemos ainda três projectos bonitos para que possamos ajudar quem realmente precisa, este Natal.


fazer tanto, com tão pouco...


E é tão simples. Não é só nesta altura que nos devemos preocupar em ajudar — a ajuda, essa, é necessária todos os dias, durante todo o ano. Mas porque a nossa natureza nos faz parar um pouco, agora no Natal, e olhar à nossa volta, a época surge como a altura perfeita para vos relembrar que podem sempre contribuir, nem que seja um bocadinho, para um mundo melhor.

Não sou moralista mas sei reconhecer que a rotina diária, a agitação citadina e os nossos problemas domésticos nos consomem, de tal forma que andamos em círculos, focados em remendar de um lado, recuperar do outro [...] ganhar tempo. E sei também que no Natal estamos mais expostos, mais frágeis, mais conscientes. Obrigamo-nos a parar, a estar com a família, a dar graças. E, nos entretantos, vamos percebendo que este mundo precisa de tanto, mesmo que esse "tanto" seja a soma de todos os "poucos" de todos nós.

E por isso — porque nunca é demais relembrar — já no Natal passado vos tinha trazido uma iniciativa muito bonita, na qual eu pude participar com o meu "pouco". Lembram-se do Pai Natal Solidário?


Pois bem, este ano, para dar as boas-vindas a Dezembro, trazemos não um, nem dois...mas três projectos bonitos que prometem tornar este mês, um mês ainda mais especial.

Obrigado Portugal

É o abraço apertado de dois portugueses que abdicaram do bilhete de "volta" para "ficar". Viveram na primeira pessoa o grande terramoto do Nepal, no ano passado, que originou mais de oito mil vítimas. O Pedro e Lourenço decidiram ficar e ajudar, fazendo da "pouca ajuda" toda a diferença na vida de milhares de pessoas. A Missão Obrigado Portugal é o reflexo da força de vontade — e bondade — que nos mostra que podemos e conseguimos ajudar, sempre. 

E nós também podemos ajudar. Como?

Este ano, a Associação Obrigado Portugal lançou dois livros especiais, um deles dedicado especialmente aos mais pequeninos, e todas as receitas revertem a favor dos projectos em curso, como o Projecto Our Dream Village — que propõe a construção de novas casas para a comunidade nepalesa afectada pelo terramoto. Podem ver mais informações aqui.


Make a Wish

No início deste ano fiz uma publicação com 12 promessas e desejos. Dessas doze posso dizer que só consegui cumprir cinco — o ano passou depressa demais, só pode! — mas havia uma promessa que apenas estava nas minhas mãos realizar: a de fazer voluntariado. É aí que entra a Make a Wish.

No verão fui rever as promessas que tinha feito comigo mesma e fiquei triste; já tinham passado 8 meses e ainda não tinha feito nenhum avanço para fazer voluntariado. Assim que regressei de férias resolvi sair desta apatia, fui ao site da Make a Wish e inscrevi-me para ser voluntária aqui. A minha irmã fez o mesmo e no mês passado tivemos a nossa primeira reunião como voluntárias. E eu gostava de vos dizer que um voluntário Make a Wish é muito mais do que um "Realizador de Desejos" — há todo um trabalho de fundo que é fundamental para que os desejos dos meninos possam ser realizados. 

E vocês aí em casa (sim, vocês) também podem ajudar!

Se não puderem (ou não quiserem) assumir o compromisso de serem voluntários, podem sempre ajudar de outras formas. Podem oferecer uma estrelinha Make a Wish a alguém especial. Podem encontrar estas "estrelas" em vários pontos, como no Espaço Casa, nos Hóteis Ibis, Holmes Place e também podem consultar o site e ficar a conhecer a magia destas estrelinhas.


Nariz Vermelho

E a Hamburgueria do Bairro associaram-se e durante o mês de Dezembro o hamburguer especial foi feito e pensado com muito carinho para celebrar esta ocasião. Queremos contribuir para levar alegria e sorrisos aos meninos nos hospitais. Por isso, o Hamburguer do Mês de Dezembro terá o nome de "Nariz Vermelho" e parte das receitas irão reverter para apoiar esta causa.

E para ajudar basta provar...

É tão simples como isso. Juntem a família, os colegas, os amigos, os vizinhos... Seja para um jantar romântico, um aniversário ou um jantar de Natal...aproveitem para combinar numa das nove lojas e peçam o Hamburguer do Mês. Para além de ser delicioso (bolo do caco de pimentão, hello?) ainda ajudam a contribuir para a Operação Nariz Vermelho!

Desejamos a todos um mês de Dezembro mágico, maravilhoso, cheio de coisas boas... e tornem-no inesquecível!

1 comentário

  1. Acho que este post foi a maneira perfeita para começar o mês! Parabéns Sara pelas óptimas sugestões.

    beijinhos
    Another Lovely Blog!, http://letrad.blogspot.pt/

    ResponderEliminar