Social icons

MISS JAPPA

28 setembro 2016

O oriente à nossa mesa, já ali, no Príncipe Real. Esta foi uma das experiências mais incríveis que tive o prazer de partilhar com a minha irmã; somos ambas grandes entusiastas de sushi, para começar,  e poder almoçar com ela, naquela tarde quente de final de verão, foi delicioso. O Miss Jappa tornou-se, rapidamente, no nosso japonês favorito e vocês vão querer saber porquê.


Príncipe Real

Antes de mais, porque se situa numa das zonas mais bonitas da cidade, o Príncipe Real. É sem dúvida um dos meus passeios de eleição, talvez por ter imensa oferta de restauração, vários centros de arte e comércio com marcas seleccionadas, óptimas esplanadas, jardins maravilhosos e uma vista incrível sobre Lisboa, menina e moça. E é aqui, neste cenário, que encontramos num bonito prédio, forrado a azulejos azuis e brancos, a passagem entre Lisboa e o Japão...



É como se entrássemos num outro universo. O ambiente apresenta-se à média luz, perfumado com especiarias e incensos. É aconchegante, cativante. E é delicioso. À entrada temos um grande emblema, em néon vermelho, e por momentos sentimo-nos em Tokyo. Várias fotografias, gravuras e elementos orientais transportam-nos para o outro lado do mundo.






Fomos relativamente cedo e ainda conseguimos escolher a nossa mesa predilecta. Optámos por ficar na esplanada — que é super agradável — pois estava uma tarde bonita e a luz era óptima para fotografar. Fomos recebidas entre sorrisos e cortesias, o que nos deixou logo muito à vontade.



Eu e a minha irmã adoramos sushi e estávamos muito curiosas para experimentar outras especialidades que seriam, certamente, reflexo de uma cozinha japonesa de excelência. Depois de ver e rever a carta — e porque somos adeptas de boas surpresas — pedimos aconselhamos e seguimos cegamente as sugestões da casa. Podemo-vos afirmar que não podíamos ter ficado mais surpreendidas... e satisfeitas!


para começar...

Vem um "quantos-queres" delicioso — ervilhas com wasabi, chips de camarão e amendoim com caramelo —  que, aliado com os melhores coktails (ever), fica um arranque [do caraças] perfeito de uma refeição que se avizinha super divertida. Pedimos uma sakêgria (sakê, frutos vermelhos e hortelã) e um Tokyo Garden (lemongrass, lima, gengibre, Tanqueray gin, coentros, ginger ale e hortelã) — tão bom!




para partilhar...

Como tudo na vida, também as refeições devem ser partilhadas. Com os melhores, entre os melhores. E com ela, com a minha irmã, é sempre delicioso. Somos aquelas irmãs que partilham (quase) tudo: almofadas, sushi, camisas de ganga e segredos. Desta vez optámos também por partilhar os pratos.



Pedimos duas entradas, qual delas a melhor? A primeira foi um Gyozá trio; um de frango, um de camarão e um vegetariano, servidos com os temperos e cozedura no ponto. A outra foi talvez um dos meus pratos favoritos de toda a refeição. Pedimos o Tártaro in a Box, com tártaro de atum e de salmão, chips de camarão e sweet chilli. Estava absolutamente divinal; peixe fresquíssimo, o molho equilibrado e um contraste de texturas surpreendente.


 



para continuar...

Pedimos dois pratos, um frio e um quente. Não podíamos deixar de provar o Combinado Miss Jappa, de 12 peças. Era óptimo e servia de complemento perfeito às entradas. Por fim aceitámos também a sugestão de experimentar  o Okonomiyaki, que disseram-nos que tínhamos mesmo que provar.



Em relação a este último prato, o extravagante e surpreendente foi mesmo a apresentação — apesar de os sabores serem óptimos — já que as lascas de atum seco pareciam dançar com vontade própria. Incrível e a não perder!




para terminar...

Já quase, quase a darmos a refeição por terminada, acabámos por conseguir encontrar espaço para a derradeira sobremesa (*como se fosse muito difícil encontrar espaço para a sobremesa*). Partilhámos uma Tarte de Chocolate com toffee e gelado de gengibre. Era "só" uma das melhores coisas que já provámos. Sabores deliciosos, na doçura certa, e o contraste do chocolate morno com o gelado de gengibre...dos deuses, senhores, dos deuses.



Este almoço foi uma verdadeira experiência gastronómica. Aproveitámos ao máximo já que tínhamos reservado essa tarde para nós, enquanto desfrutávamos do VFNO. O início da tarde foi passado aqui, no Miss Jappa, e foram umas duas horas muito saborosas e ricas em experiências sensoriais.


Voltaremos, sem dúvida. E agora, depois desta partilha, só me apetece marcar mesa para lá! Aconselhamos a que seja feita reserva, já que me menos de nada o espaço fica completo. Mas vale muito a pena. Ao almoço têm menús de almoço e se tiverem sorte, se o barman estiver por lá, prepara-vos um cocktail — por norma estes só são servidos ao jantar. 

Agora partilhem comigo: quem já conhece, quem está curioso, quem ama sushi e quem nunca provou?

Praça do Príncipe Real 5A
Terça a Domingo
Das 12h30 às 15h30 
Das 19h30 às 24h 

1 comentário

  1. Que bom aspecto! Adoro quase todo o tipo de comida oriental, pelo menos a que conheci até agora, tenho de ir experimentar este restaurante :)

    | i n d e c i s a

    ResponderEliminar