Social icons

Barbarians Rising

18 setembro 2016

Uma nova série e um novo espaço em Lisboa. Porque hoje é domingo — e aos domingos gostamos de ficar a namorar a casa — e porque amanhã há uma estreia a não perder, da mais recente produção do Canal História, o post de hoje chega-nos em dose dupla: uma sugestão para quem gosta de ficar em casa aos domingos a ver séries e a partilha de um novo sítio, para os amantes de cerveja artesanal.


adoramos séries históricas

Aceitámos o convite sem hesitar e não podíamos estar mais entusiasmados! Já andávamos a contar os dias para a estreia da nova série Barbarians Rising, com assinatura do Canal História, desde o momento em que tínhamos visto o trailer. Antecipámos que seria uma ambiciosa produção, fiel ao detalhe e com a toda a qualidade que o Canal História já nos tem vindo a habituar. 

Aliás, não é novidade por aqui ouvirem falar da nossa paixão por séries históricas (e do Canal História); já mencionámos a nossa obsessão por Vikings por aqui e por ali, e observámos tudo aquilo que aprendemos com a série na nossa visita a Dublin — cidade com muita influência Viking. 




Para celebrar a estreia de Barbarians Rising, o encontro estava marcado na Cervejaria Artesanal Dois Corvos, em Marvila. Fez todo o sentido irmos juntos nesta aventura, que nem dois guerreiros, já que o Miguel também faz a sua própria cerveja artesanal e todo este universo cervejeiro é uma coisa que muito nos interessa. Como ainda não conhecíamos a Dois Corvos, estávamos mega entusiasmados.



Dois Corvos

Na Rua Capitão Leitão, existe uma fábrica de cerveja artesanal que presta homenagem  a Lisboa. A Dois Corvos abriu as portas e deixou-nos visitar a sua fábrica, conhecer alguns dos processos de fabricação e partilhou ainda algumas curiosidades sobre as cervejas que produz. Além disso, dispõe ainda de uma sala super agradável, onde podemos degustar e petiscar com os amigos, para além de podermos comprar ainda as cervejas.



pale, ale, stout...

Tivemos o privilégio de ficar a conhecer as várias cervejas de produção própria, sempre muito bem acompanhadas com alguns petiscos ideais. Por exemplo, a Avenida (uma blonde ale) liga bem com espetadinhass de melão e presunto; já a Metropolitan (pale ale) merece ser acompanhada com tapas de mozzarella, pesto e tomate cherry; a Galáxia (milk stout), por sua vez, serve perfeitamente bem o doce-salgado de uma tosta de queijo e compota de abóbora; já a Finisterra (imperial porter), mais encorpada, afina-se na perfeição com brigadeiro de chocolate.




Um final de tarde delicioso, passado entre os melhores, num ambiente descontraído e animado. Escusado será dizer que alguém do meu tamanho dificilmente "aguenta" a prova das cinco cervejas, já que ao fim de duas as coisas começam a tornar-se turvas (o que acaba por ser engraçado, diz ele). 

Se procuram reunir os amigos para um final de semana diferente e muito divertido, então a Dois Corvos é mesmo o local ideal. Se são amantes de cerveja, melhor ainda: é paragem obrigatória!



Barbarians Rising

Como não há duas sem três, a associação com a nova série documental com a Dois Corvos não poderia ser de outra forma. Foi criada uma cerveja artesanal especialmente para marcar a estreia de Barbarians Rising — uma marzen fumada, deliciosa, digna de verdadeiros mestres guerreiros. Uma cerveja aromática, encorpada, com notas únicas e nunca antes provadas. Ideal para acompanhar o primeiro episódio da série...


... Que estreia já amanhã!

Amanhã, dia 19 de Setembro pelas 22h, no Canal História, assistam ao primeiro episódio de Barbarians Rising. A série é composta por 8 episódios e retrata a ascensão e queda de Roma, através dos feitos de nove guerreiros históricos, alguns deles até bem familiares; Viriato, Aníbal, Boudica, Armínio, Fritigerno, Genserico, Alarico, Espártaco e Átila são as figuras centrais deste documentário, realizado numa perspectiva original e nunca antes vista.

Nós estamos ansiosos e já temos sofá marcado para amanhã, depois de jantar. Adorava saber quem daí é que também é fã deste tipo de produções e quem vai assistir amanhã?

1 comentário