Social icons

conversas de almofadas #3

16 dezembro 2015

Para terminar estas conversas de almofadas sentamo-nos à janela. E no chão, porque não? Eu adoro sentar-me no chão — salvo-seja — se houverem almofadas confortáveis e convidativas. A ver televisão, a ler uma revista ou um livro, enquanto vagueio pelas coisas bonitas dessa internet fora [...] a verdade é que consigo encontrar imenso conforto fora de uma poltrona ou sofá. Pode parecer estranho, eu sei, mas a verdade é que troco um sofá por meia dúzia de almofadas no chão. 

Depois de vos mostrar a minha interpretação nórdica de um pequeno almoço na cama e de vos dar algumas luzes sobre como ter uma sala nova este Natal, chega agora a partilha de um recanto descansado num escritório agitado. Curiosos?




O artigo de hoje visa trazer-vos mais uma boa dose de inspiração sobre como criar vários espaços, dentro de uma sala — neste caso, o meu escritório. É importante ter zonas definidas e se por um lado, a secretária é a zona de trabalho, é fundamentar ter um canto de descanso e lazer, onde posso desanuviar e inspirar-me. Este recanto á janela, com algumas almofadas e uma estrutra que sirva de apoio é perfeito.


Sou designer freelancer e por isso trabalho em casa. Renovei o meu espaço de trabalho há relativamente pouco tempo e sempre soube que, dada a disposição da sala, teria que ter um recanto de descanso. Um sítio onde pudesse descontrair um bocadinho, saboreando a luz e o calor lá de fora. Aproveitei o nicho da janela para incorporar uma estante (também by IKEA), que me permitisse servir de banqueta — (quase) como aquelas de antigamente, sabem?




O espaço é todo em preto e branco, num registo mais gráfico, mais geométrico, mais monocromático — sou fascinada pela simplicidade poderosa de um padrão preto e branco.

Por se tratar de uma sala de trabalho, todos os elementos que o compõem são representativos de um escritório, a começar pela estante, passando pela caixa de arquivo, pela caixa de arrumação (3,99€) ou até mesmo o porta-canetas (2,99€).


Para equilibrar a monocromia do espaço, escolhi dar um toque de cor e de viva com a selecção de algumas plantas, ora naturais ora artificiais. O conjunto de três cactos (4,99€) tinha mesmo que vir para o parapeito da janela. Adoro cactos e a IKEA alimenta esta minha crescente obsessão.



Também me confesso apaixonada por este conjunto de vaso (0,99€) com uma planta artificial (4,99€) que dão logo outro ar à sala e digo-vos que parece mesmo verdadeira, esta plantinha. E digam lá se não compõe o cenário tão bem?


O que me fascinou nesta pequena lounge improvisada é que me permite ter uma área de lazer, onde acabo por encontrar inspiração e força de vontade para encarar o trabalho. A banqueta feita com a estante preta e uma das minhas almofadas preferidas, da colecção STOCKHOLM (14,99€), acaba por ser uma ideia muito original e — acreditem — muito cómoda e prática. Tem a estrutura necessária para aguentar com o meu peso e ainda me permite arquivar e arrumar algumas coisas.




No chão — que previsível — encontramos almofadas. Diferentes almofadas, com diferentes capas. E não se preocupem, se acham que estas almofadas apenas foram feitas para compor um sofá; uma vez que é possível trocar as capas das almofadas é muito fácil de as manter limpas e lavadas. Além do mais, desta forma permite-nos ter um leque de opções para mudar de ambiente sempre que quisermos (...) ou quantas capas de almofadas tivermos.


Podem encontrar vários modelos, com diferentes materiais, cores, padrões e texturas, na IKEA ou no site oficial, na zona das almofadas

Este é o último artigo desta partilha curiosa das conversas de almofadas e serve para vos mostrar como é possível conciliar trabalho e descanso, no mesmo espaço, adaptando alguns móveis e almofadando o nosso chão, para criar uma espécie de "cama de almofadas" onde nos podemos recostar um pouco, folhear uma revista, tomar um chá, ouvir música ou até (quem sabe?) descansar dois minutos! 

Almofadas na cama, almofadas na sala e almofadas no escritório — são sempre bem-vindas. E vocês, também são adeptos de introduzir almofadas em várias divisões da casa? E quem é que, desse lado, é como eu e prefere um chão cheio de almofadas a um sofá? 

Partilhem tudo...

1 comentário

  1. Awww adoro! Que cantinho tão bonito, Sara! E sou como tu - umas boas almofadas no chão e sou uma rapariga feliz :)

    Jiji

    ResponderEliminar