Social icons

Por Lisboa #1

06 agosto 2014

A cidade de todos os amores. Dos perfeitos e dos desfeitos. A cidade com a luz mais bonita de todas. Ou talvez assim me (a)pareça, por ser a minha cidade. E Lisboa ganha outra vida, ganha outro encanto, se for com ela vivida, a Joana de quem eu gosto tanto. 


Estes registos retratam um passeio de uma quarta feira já (há muito) passada, tão bem saboreada, em jeito de despedida, com a minha melhor amiga. 

Uma Lisboa vivida na plenitude durante um dia, que se perpetuará aqui, no blog, ao longo de três publicações, (re)vividas com enorme saudade.


Detalhes que só se captam quando passeamos a pé, abstraídos da confusão agitada da cidade, numa manhã de quarta feira de trabalho. Detalhes deliciosos. E, ainda assim, um tanto ou quanto maldosos!


Era cedo ainda. Queríamos, ou melhor precisávamos de tomar um café. Mas não nos mesmos sítios. Estávamos aborrecidas dos sítios do costume. Fomos explorar, indagar o que havia de novo nesta nossa velha cidade. E há tanta coisa bonita para ver.
  

A aventura começou no Chiado (ou melhor, começou muito antes disso, ainda pelo Cais), mas a nossa procura por um espaço bonito para beber café inicou-se no Largo do Carmo, quando vi a indicação de um letreiro Blog Chiado. Não demorei a entrar. Mas demorei ainda menos a sair. Não pelo espaço, que era de facto maravilhoso e apetitoso de se fotografar, mas pela recepção que uma cliente [...]  vim mais tarde a saber que era a dona  nos fez. Continuámos a nossa busca por um espaço acolhedor e bonito e eis que a Joaninha se lembrou de um: The Decadente Restaurante & Bar.


Já há muito tempo que afirmava, numa jura solene, que haveria de levar lá o M. a jantar. Pelo (pouco) espaço que conseguia observar do outro lado da janela, pelos (poucos) detalhes que ia conseguindo admirar. Ainda não havia tido a oportunidade.

E ela lembrou-se que o The Decadente tinha uma esplanada (escondida) maravilhosa. Daqueles espaços recondidos da nossa cidade, um daqueles pátios maravilhosos, emoldurados pelas ervas trepadeiras, brevemente iluminados pela luz já não tão tímida de uma manhã que se estava a revelar lindíssima. E fomos entrando. E eu ia registando todos os detalhes bonitos. Todos os pormenores que caracterizavam o espaço. E fiquei apaixonada. 


Entre um bar cheio de livros velhos, antigas memórias e tantas outras histórias, fomos entrando para a sala de jantar, que num registo diferente nos ia embalando num conto antigo da cidade.

Uma decoração mais sóbria, que me lembrou por momentos a Cantina da Estrela, afirma-se em perfeita harmonia com pormenores vintage, retirados sabe-se lá de que gaveta. Adorei.


Mas o nosso tão desejado café foi tomado na esplanada. Um outro ambiente, descontraído, onde ainda privámos de dois dedos de conversa com um menino que por lá trabalhava, e tantas sugestões boas nos deu.


Foi um início de passeio maravilhoso. Muito divertido e cheio de surpresas. Fica então a promessa de voltar, em breve, ao The Decadente para levar então o meu M. a jantar. Fiquei curiosa.

Na próxima quarta feira, a continuação do relato deste passeio pela capital. Fiquem por aí!

9 comentários

  1. Óptimas fotos tal como já me tens vindo a habituar :)
    beijinho
    http://thepink-lipstick.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. É quase impossível não ficar estarrecida com estes detalhes, são fascinantes :)

    Beijinho
    http://dcidadedopecado.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  3. Lindos detalhes, lindos momentos eternizados pelas tuas fotografias lindas! Tens muito talento Sarinha
    Quero vei mais desse passeio ;) beijinhos *

    ResponderEliminar
  4. Adoro o The Decadente! :) Para mim, é dos melhores restaurantes de Lisboa. Não só por toda a decoração e ambiente (que tão bem captaste) mas também pela sua comida. É tão boa. Simples, sem grande sofisticação mas realmente bem confeccionada.

    ResponderEliminar
  5. Lisboa é, realmente, uma cidade lindíssima! E estas fotografias fazem-lhe jus :)

    \ Indigo Lights

    ResponderEliminar
  6. Não me canso das tuas fotos Sara!!

    Lisboa <3

    ResponderEliminar
  7. tão ver Lisboa pelos teus olhos...vês sempre o belo de tudo. <3 Adoro.

    ResponderEliminar
  8. cada vez amo mais as tuas fotografias

    ResponderEliminar