Social icons

Crêperie du Bairro

26 abril 2014

Uma doce paragem no Bairro Alto. De dia, o Bairro Alto esconde tesouros que só são descobertos em aventuras pedonais, despreocupadas e inesperadas. Foi o caso da Crêperei du Bairro, descoberta por acaso, quando descíamos a Rua da Rosa. Confesso que não sou grande vivant da vida nocturna do bairro, mas adoro calcorrear as descidas e (as não tão agradáveis) subidas íngremes, fotografar pequenos detalhes que só são captados na luz quente da cidade, num final de manhã, por exemplo. É assim que gosto do meu Bairro Alto.


E agora, gosto ainda mais. 


Este novo espaço, inaugurado em Janeiro deste ano, fica no cruzamento da Rua da Rosa com a Travessa dos Fiéis de Deus, pouco antes de se chegar ao famoso arco da Rua da Rosa. É uma pequena crêperie, com raízes francesas no nome mas com uma diversidade multicultural em cada prato que nos apresenta, a começar pelas entradinhas.


Fomos recebidas bem ao jeito português, mas o menu era-nos apresentado em inglês; os crepes, de massa fina, tinham gosto francês, mas contrastavam com as sugestões das entradas, onde podíamos encontrar hummus, por exemplo. Explicaram-nos o conceito: queriam pôr à prova dos clientes pequenas delícias e variedades de todo o mundo, o que até fazia todo o sentido, sendo esta crêperie parte integrante de um projecto maior, onde até se podem alugar, no mesmo prédio, quartos e suites.


O espaço está especialmente bem decorado e conta com ilustrações estupendas da equipa Urburner Collective, que até então desconhecia mas da qual rapidamente me tornei fã. O soalho (sim!, o soalho) fez-me as delícias: era lindo, de uma madeira com tom único, muito bem restaurado e cuidado. Os detalhes da cozinha, que nos remetiam para antigos bistrôs de Paris, eram também dignos de se fotografar. Um espaço muito interessante, condensado numa área pequenina, bem aconchegante.

Os preços dos crepes salgados, servidos com salada, (e com um aspecto divinal!) variam entre os 6 e os 9 euros. Já os crepes doces estão entre os 2,5 e os 5,5 euros, salvo erro.


Desta vez, eu e a J. fomos pela hora do lanche e resolvemos sucumbir à vontade de provar os crepes doces. Um clássico de nutella para ela e um de morangos e chocolate para mim. E assim, gulosas assumidas, fomos intervalando as garfadas com alegres gargalhadas, sempre com tanto por falar (não sei onde vamos desencantar tanta conversa!), pautadas com os cliques frenéticos da minha máquina. 


Às vezes, não sei como é que eles têm paciência para mim! Para quando me levanto, de súbito, da mesa para ir fotografar sabe-se lá o quê. Para quando lhes peço que esperem, "não comam já!" para fotografar aquele detalhe do prato. Para quando lhes peço que esperem só mais um pouco, "não vamos ainda!" porque temo esquecer-me de algum pormenor. É. Não sei como é que eles têm paciência para mim. Ou melhor! Até sei. Chama-se amor. Chama-se amizade. E eles são os melhores do mundo!


Fica então a nossa sugestão, para uma refeição leve ou um lanche saboroso. Tudo para um óptimo fim de semana!

Crêperie du Bairro
Rua da Rosa nº 39 Bairro Alto 1200 Lisboa
terça a domingo das 12h00 - 00h00 
telefone 213 430 328

19 comentários

  1. Que delícia, até já me deu uma súbita vontade de comer crepes! É um espaço bem acolhedor e agradável :)

    http://thebeautypalacejh.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Oh, todos os locais que publicas aqui são completamente deliciosos! ♥

    Blooming Flowers in July.

    ResponderEliminar
  3. Ainda não conheço este espaço mas já tinha ouvido falar nele e estou muito curiosa!!
    E percebo tão bem essa questão de levantar da mesa para fotografar, e deixar os amigos sozinhos. Eles compreendem. Depois resulta em fotoreportagens assim...! Escreves super bem e as fotografias estão, como sempre, fantásticas!

    ResponderEliminar
  4. Adorei, que espaço fantástico, que vontade de la ir! ;)

    beijinho
    Isa M., Tic Tac Living

    ResponderEliminar
  5. que doce! (o espaço e os crepes :p) tou com imensa vontade de voltar a Lisboa agora x)

    ResponderEliminar
  6. Epa, excelentes fotos! Até fiquei com água na boca agora! eheh!
    Biju*

    http://thegirlinthepocket.blogspot.de/

    ResponderEliminar
  7. O espaço é fantástico, e a comida parece ser divinal.
    Sem dúvida que mereceu ser fotografado é absolutamente fantástico.

    Beijinhos <3

    ResponderEliminar
  8. Gostei do teu cantinho!
    Fotos fantásticas :)

    http://trapeziovermelho.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  9. Obrigada pelos teus posts, com eles posso visitar estes cantinhos todos :)
    Beijinho

    ResponderEliminar
  10. Ainda bem que pararam pois o espaço é super giro e como se não bastasse isso ainda tem coisas absolutamente deliciosas (pelo menos nas fotos!;)
    Beijinho
    CHICREACTON.com

    ResponderEliminar
  11. Parece ser um sítio fantástico, é nestas alturas que adorava morar em Lisboa :)

    XOXO
    http://fashion-mask.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  12. Que lugar fantástico foste descobrir e o aspecto dos crepes, ai ai *.*

    xoxo

    ResponderEliminar
  13. Sitio giro!!!! E se tem humus, ui ui, que eu sou viciadaaaaa em humus!! Ah eu faço o mesmo ao meu marido, tipo, espera, não comas já, deixa lá fotografar isso, olha agora não cortes nada para eu fazer uma foto!!! Haja paciência, deles, claro.
    http://bloglairdutemps.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  14. Adorei o decor, deve ser um espaço super agradável. E esses crepes, hmmmmmmm, fiquei com água na boca!!

    http://agatadesaltosaltos.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  15. Também fui lá na semana passada, na quarta-feira, e amei o sitio! Os crepes salgados então são de chorar por mais! :)

    ResponderEliminar
  16. Eles tem paciência para ti, porque é fácil gostar de ti. Porque te entregas inteiramente, seja as pessoas ou algo. :)

    Um beijinho, Andreia ♡
    http://pontofinalparagrafos.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  17. Vi na Time Out e fiquei com vontade de ir... Mas duvido que superem os da La Creperie da Ribeira, estou certa? Sei que vou mais tarde ou mais cedo :)

    ResponderEliminar
  18. Mais um lugar fantástico :)

    ResponderEliminar